sábado, 4 de setembro de 2010

Retrato Social

Corja de oligofrênicos
Disfarçados inutilmente
Envoltos em véus helênicos
Almejando crer veemente

Obsoletos bibelôs
De um sistema fadado
Prostitutas e gigolôs
- Indivíduos e Estado –

Acorrentados ao Tradicionalismo
Nas senzalas da revolução
Bradam o idealismo
Sujeitados a escravidão.
                          (Rafael de Oliveira)

2 comentários:

  1. Merece ser cantada
    só não sei por quem:

    Chico Buarque não tem voz
    Caetano é muito zen
    Gal Costa não tem de nós
    Mas Bethania canta bem

    Porém, poesia como esta
    convidaria do além.

    rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Tragam-me os porcos
    para o banho de sangue sujo
    nesta humanidade fétida
    onde os maus acalentam os bons
    e os bons se deixam encantar...mudos.

    ResponderExcluir